>>>5 maneiras como a inteligência artificial pode melhorar a experiência do seu colaborador

5 maneiras como a inteligência artificial pode melhorar a experiência do seu colaborador

A Inteligência Artificial (IA) faz com que máquinas aprendam a partir das experiências que têm, se adaptem ao recebimento de diferentes informações e desempenhem tarefas como se fossem seres humanos. No dia a dia de sua empresa, essa tecnologia pode melhorar a experiência do colaborador. Como? Nós te explicamos.

Trabalha-se muito para criar, manter e fortalecer uma cultura organizacional. Afinal, é ela pode garantir que os colaboradores estejam mais felizes, eficazes e capacitados para desempenhar suas funções. Nesse aspecto, os benefícios são apenas a cereja do bolo.

O uso de tecnologias e processos refinados no cotidiano da organização torna essa cultura mais maleável. Pois, oferece soluções com foco em baixa produtividade por meio da aplicação de treinamentos e programas de capacitação  — ações mensuráveis como qualquer outro KPI.

Para entender melhor, vamos apresentar agora 5 maneiras como a IA pode melhorar a experiência do colaborador na rotina da sua organização. Confira!

1. Melhora os processos de recrutamento e seleção

A experiência de um colaborador começa já no processo de recrutamento e seleção. E, desde já, as ferramentas de IA podem ser aplicadas. Seja para facilitar o ciclo de entrega da equipe de Recursos Humanos ou para otimizar o contato com os candidatos.

Uma assistente virtual, por exemplo, pode responder dúvidas enviadas pelos candidatos ao longo do processo seletivo.

O People Analytics é outro exemplo, um software de IA que avalia os comportamentos e competências de cada profissional. Ele constrói arquétipos a partir do cruzamento de dados a fim de criar o modelo de candidato ideal.

Como a Inteligência Artificial aprende a partir de experiências já realizadas e também com dados das novas, ela pode ajustar o perfil ideal a partir de um constante monitoramento, tornando o recrutamento e a seleção de talentos mais ágil e precisa.

2. Otimiza a integração de recém-contratados

A atenção para os primeiros 90 dias de experiência de um recém-contratado é fundamental. É nesse período que ele constrói uma conexão sólida com a empresa, a gerência e os demais colegas de trabalho.

Para esse período, a companhia pode aplicar um treinamento ou disponibilizar um portal inteligente para que o novo colaborador ganhe autonomia e consiga executar tarefas com mais rapidez. Entre elas:

  • enviar documentos;
  • responder sobre as políticas da empresa;
  • como configurar uma impressora ou outro equipamento;
  • solicitar senhas;
  • encontrar uma lista de pessoas;
  • marcar reuniões;
  • visualizar a agenda de trabalho da equipe.

3. Ajuda no treinamento dos colaboradores

A Leroy Merlin, empresa multinacional que vende artigos de construção e decoração, adotou uma ferramenta de inteligência artificial para o treinamento de seus colaboradores.

Batizada de Lia, trata-se de uma assistente virtual que consegue sanar as dúvidas mais frequentes dos profissionais. Tudo acontece de maneira rápida e objetiva, a qualquer momento.

A assistente virtual foi implementada em canais exclusivos dos colaboradores da Leroy Merlin, disponibilizando também informações sobre férias, benefícios, horas extras e outras.

Isso demonstra como as empresas identificaram o potencial cognitivo da tecnologia por meio da inteligência artificial. Afinal, ela ajuda na renovação da força de trabalho e prepara os colaboradores para um desenvolvimento cada vez mais frequente.

Uma solução assim pode ser aplicada em treinamentos específicos, esclarecendo dúvidas sobre processos ou ensinando como devem ser utilizados os softwares da organização. E como se trata de IA, o software aprende a partir do modo como cada colaborador interage com ele.

4. Facilita os programas de capacitação

O talento de um profissional não é mais definido somente pelo que ele fez no passado, mas por sua capacidade em relação ao futuro.

As habilidades se tornaram uma força vital para a competitividade de qualquer corporação. E como devem trabalhar na retenção de talentos, as empresas não têm escolha senão implantar programas de capacitação para seus colaboradores.

Ao mesmo tempo, elas perceberam que há uma constante diminuição na vida útil de cada habilidade. Novas tecnologias e processos fazem com que elas precisem de uma renovação. O que pode ser feito por meio de treinamentos e programas de capacitação.

No entanto, programas assim são conhecidos por serem chatos e monótonos. Por isso, é fundamental criar a experiência do colaborador do mesmo jeito que é feito com cada cliente.

Forneça aos seus colaboradores a mesma facilidade de uso, personalização e capacidade de resposta nas experiências de aprendizagem corporativa que eles têm em outras partes da vida digital.

Treinamentos e programas de capacitação devem ser feitos de maneira simples, transparente, autodirigida e centrada no aprendizado. É preciso imitar as experiências da vida real — algo que somente a inteligência artificial é capaz de fazer.

5. Aumenta a atenção do colaborador

Você consegue melhorar a experiência do colaborador, por meio de ferramentas de IA, quando cultiva uma mentalidade de crescimento em toda a empresa.

Ao motivar o aprimoramento contínuo, as pessoas se sentem parte de um contexto maior e tendem a entregar os resultados que a organização precisa e deseja.

Mas isso somente é alcançado quando sua empresa se dedica às soluções que personalizam a educação corporativa — desde o recrutamento até execução de tarefas no dia a dia dos colaboradores.

São essas as soluções que aumentam a atenção do colaborador.

Como elas funcionam do mesmo modo que outras ferramentas digitais utilizadas no cotidiano de todos, são tratadas com a mesma importância.

Essa situação se difere bastante do modo tradicional de aprendizagem, com uma sala de aula, instrutores, livros e outros materiais. Por esse motivo, a IA consegue maximizar os resultados e trazer o colaborador para o âmbito da aprendizagem contínua.

Se eles conseguem aprender de maneira autônoma, sem depender de outras pessoas, tornam-se capazes de lidar melhor em situações inesperadas.

Assim sendo, capacite seus trabalhadores com experiências cognitivas para que eles possam desenvolver as habilidades que a empresa necessita.

A experiência do colaborador pode ser otimizada por meio da utilização de ferramentas de inteligência artificial para recrutamento, seleção, integração, treinamento e capacitação. Basta que todas as ações estejam integradas e sejam feitas por um parceiro com experiência.

Assine nossa newsletter abaixo e receba as atualizações do nosso blog em seu e-mail

2019-08-14T11:07:03+00:00agosto 14th, 2019|Tecnologia|0 Comentários

Deixar Um Comentário