Início>Posts>E-learning, Educação Corporativa, Sem categoria, Treinamento>Sair da crise: A Educação Corporativa pode te ajudar!

Sair da crise: A Educação Corporativa pode te ajudar!

Passamos por um momento singular com a pandemia provocada pela COVID-19, doença causada pelo novo coronavírus. A pandemia tem afetado a vida social de muita gente e trazido uma preocupação constante sobre o futuro econômico do país. Principalmente para empresas que são fonte de renda para milhares de famílias e desempenham um papel fundamental na economia.

Nessa enorme especulação sobre a saúde econômica do país durante e pós-crise, talvez ainda seja muito cedo para prever cenários catastróficos. Mas nós já sabemos que é justamente nesses momentos que aprendemos novas maneiras de fazer as mesmas coisas e daí, tirar excelentes lições e oportunidades.

É fato que a Educação Corporativa teve um papel fundamental na superação de crises anteriores, como afirma essa reportagem do Fecomercio SP. Por isso a resposta para esta pergunta é sim!

Vou listar aqui 04 razões para sua empresa olhar com mais carinho para os treinamentos corporativos em meio a crise da Covid-19:

1 – Ajuda a garantir a segurança de seus colaboradores em quarentena

Já sabemos que, para achatar a curva de contaminação e mantê-la dentro da capacidade de atendimento dos serviços de saúde, o melhor remédio é o distanciamento social e a quarentena. Treinamentos corporativos não se limitam mais a espaços físicos, graças a internet e o seu fácil acesso. Um treinamento e-learning pode ser acessado de qualquer computador. Ou seja, pode ser feito enquanto o seu time está em home office. E, ao oferecer um treinamento em que ele não precise transitar nas ruas, em estabelecimentos fechados e aglomerações, a empresa está garantindo a sua segurança diminuindo os riscos de contaminação.

2 – Treinamentos corporativos impulsionam a produtividade

Investimentos em equipamentos são facilmente justificáveis porque aumentam a produtividade, certo? Quando o investimento é em treinamento corporativo, muitos questionamentos surgem sobre a sua efetividade e retorno para a companhia. Porém, os dados de um relatório do National Center on the Educational Quality of the Workforce (Centro Nacional de Pesquisa sobre Qualidade Educacional para o Trabalhador – EUA) mostram justamente o contrário: cada centavo investido em treinamento corporativo traz mais resultados em produtividade que o mesmo centavo investido em equipamentos.
O aumento de 10% no nível educacional da equipe, resultou em um aumento de 8,6% de produtividade no setor industrial e, fora da área de manufatura, o aumento de produtividade foi ainda maior, de 11%. Ao mesmo tempo que um investimento similar em equipamentos, gerou aumento de produtividade de apenas 3,4%.
Outro ponto interessante é que o aumento de horas trabalhadas resultou em um aumento de apenas 5,6%.

Ou seja, investir em educação corporativa para aumento da produtividade é mais eficiente que investir em equipamentos e aumentar as horas trabalhadas.

3 – Melhora a tomada de decisão

Investir nas lideranças da companhia é fundamental. São eles quem tomam as decisões estratégicas e precisam estar preparados para passar segurança aos liderados.
Por meio de treinamentos, o desenvolvimento de novas competências e habilidades pode ser facilitado. Além disso, eles oferecem ferramentas essenciais para alterar uma mentalidade de experimentação do que é o negócio, quebrando o paradigma de competição e substituindo-o pelo de colaboração.
Por meio de soluções inovadoras, como e-learning, mobile learning e treinamento multimídia, e de conteúdos estratégicos, o colaborador ganha mais do que informações. Ele desenvolve uma mente mais empreendedora e engajada no negócio.

4 – Conexão do time com a empresa

Vou lhe dizer uma verdade absoluta: Entender o conteúdo técnico de maneira aprofundada é essencial para um treinamento corporativo obter o sucesso e atingir os resultados esperados. Além disso, não podemos deixar de se atentar ao público consumidor deste treinamento. Uma mensagem personalizada faz toda a diferença.

Depois de delimitar o conteúdo e o público alvo, é necessário definir quais recursos se adaptam melhor ao processo de aprendizagem. Essa escolha faz total diferença. Alguns recursos são mais indicados do que outros quando avaliamos, por exemplo, tempo, disponibilidade e características pessoais do time a ser treinado. Pense comigo… o que engaja mais um colaborador operacional: um game interativo com recompensas ou textos longos seguidos de perguntas e respostas?
Você não precisa pensar muito para responder game, não é?

Ter essa preocupação com o time que será treinado, suas características e habilidades, permite um treinamento mais assertivo e demonstra que a empresa genuinamente se preocupa e entende o seu time. Isso deixa uma impressão positiva na experiência do funcionário e o sentimento de pertencimento e importância afeta diretamente a produtividade!

Na nossa metodologia de produção de treinamentos, essas questões são levadas à sério. Sempre orientamos nossos clientes sobre as melhores escolhas para cada perfil de aprendizado, tendo sempre um olhar crítico e analítico sobre os objetivos que nossos clientes querem alcançar com os treinamentos.
Todo esse processo de criação do treinamento é feito com o acompanhamento de um de nossos Designers Instrucionais, que são preparados para criar soluções digitais criativas e assertivas.

Muitos gestores e empresas estão confusos nesse momento. Claro. Uma crise sempre nos deixa preocupados com o futuro, principalmente  para empresas com grandes negócios. 

Crises põem nossas habilidades de pensar novas soluções à prova. Sai na frente quem toma decisões corretas em tempo hábil. Invista também em Educação Corporativa.

Entre em contato conosco!


Deixar Um Comentário